Com as ruas gritando, tudo muda

image

A Câmara dos Deputados rejeitou esta noite (25 jun) a PEC 37, proposta de emenda constitucional que pretendia tirar o poder de investigação do Ministério Público, estabelecido pela Constituição de 1988. Foram 430 votos contra e 9 a favor, além de duas abstenções. Quando o povo sai às ruas, tudo muda. Ficou difícil para os nobres deputados contrariar a voz das multidões, especialmente às vésperas de uma nova eleição.
Algumas curiosidades sobre o assunto: o deputado que propôs a PEC 37 está sob investigação do Ministério Público; dos 14 integrantes da comissão que havia aprovado o projeto, cinco estão sendo processados; a iniciativa tinha apoio das associações de delegados de polícia, mas era rejeitada por escalões inferiores; quase todo o ambiente jurídico do país era contra a “PEC da Impunidade”. Havia uma pergunta sem resposta: como investigar um tema em que a própria polícia está envolvida, fato tão comum no Patropi?
Com o barulho das ruas, ficou impossível manter a proposta. Mas isso não impede que outras PECs sejam apresentadas com o mesmo propósito. A não ser que a mobilização popular continue. E isso é bem provável!

image

Anúncios
Esse post foi publicado em Violência e crime organizado. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s