“El Chapo”, um dos maiores traficantes mundiais de drogas, escapou de um presídio de segurança máxima no México. É um dos principais responsáveis pela entrada de maconha e cocaína nos Estados Unidos. Um negócio de 5,4 bilhões de dólares.

O traficante mexicano

O traficante mexicano

Joaquim (“El Chapo”) Guzmán, poderoso chefão do Cartel de Sinaloa, no México, que atua nas fronteiras secas com os Estados Unidos (mais de 12 mil quilômetros entre um país e o outro), fugiu de um presídio de segurança máxima mexicano. Estava condenado a 20 anos de prisão e fora capturado em uma monumental operação policial de seu país natal, com apoio do FBI e do DEA. O governo mexicano informou, na manhã de hoje (12 jul), que as imagens de televisão da cela que ele ocupava na penitenciária de Altiplano I, na capital, haviam parado de funcionar.

“El Chapo” fugiu por um túnel de 1,5 quilômetro cavado sob o chuveiro de sua cela. Até agora, ninguém sabe onde está. No Brasil, os grandes traficantes estão soltos: são gente acima de qualquer suspeita e não moram em favelas ou bairros populares. Mas os que estão em penitenciárias federais de segurança, como Fernandinho Beira-Mar, não fogem. Pelo menos até este momento.

Anúncios
Esse post foi publicado em Politica e sociedade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s