O ataque terrorista em Nice assusta o governo brasileiro às vésperas da Olimpíada. Todo o esquema de segurança dos jogos será revisto. A tragédia na França já tem 84 mortos.

ataque em nice 02

O maior perigo que existe em relação à Olimpíada do Rio é justamente a ação imprevisível de um terrorista isolado, o chamado “lobo solitário”. O ataque em Nice, na França, assusta por ter sido praticado, aparentemente, por um só homem que alugou um caminhão frigorífico e lançou o veículo ontem à noite (14 jul) sobre uma multidão que comemorava o Dia Nacional da França. O terrorista, morto a tiros pela polícia, foi identificado: Mohamed Lahoaiej-Bouhlel, 31 anos, tinha nacionalidade tunisiana, mas possuía visto de residência na França. Era motorista e teve problemas com a polícia. Ele chegou a ser preso por agressão contra a própria mulher, de quem estava se divorciando. Foi condenado a seis meses de prisão, mas a pena foi perdoada. Mohamed matou 84 pessoas, incluindo 10 crianças, e deixou 202 feridos, dos quais 52 em estado crítico. Os números da tragédia podem piorar.

ataque em nice 03

O Ministro do Gabinete de Segurança Institucional, General Sergio Etchegoyen.(José Cruz/Agência Brasil)

A criatividade monstruosa do ataque em Nice e a tragédia que provocou assustaram o governo brasileiro, às voltas com a segurança da Olimpíada. A ação de um terrorista solitário no Rio de Janeiro é o pior de todos os pesadelos. Imaginem um caminhão desses no calçadão de Copacabana – ou na saída do Maracanã. Aparentemente, no caso brasileiro, o controle de fronteiras é a ação mais importante, porque por elas passam drogas, armas e gente perigosa todo o tempo, como sabemos. É preciso tornar a força de repressão o mais visível possível, com dezenas de milhares de homens nas ruas. O governo federal e a Prefeitura do Rio já avisaram que haverá transtornos para a vida da cidade, causados por bloqueios e barreiras policiais. Felizmente, a Olimpíada é um evento curto: começa em 5 de agosto e vai até o dia 21. Mas o Dia Nacional da França era um só.

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional do governo de Michel Temer, general Sérgio Etchegoyen, deu entrevista coletiva em Brasília e disse que existe a possibilidade de um ataque terrorista na Olimpíada. Mas o general acrescentou que a preocupação é semelhante à de qualquer outro país que esteja sediando um evento global desse porte.  O Ministro ds Defesa, Raul Jugmann, chegou hoje à tarde ao Rio e garantiu que nossos militares estão preparados para enfrentar a situação. Enquanto isso, agora à noite, o primeiro-ministro francês, Manuel Valls, declarou que o terrorista de Nice estava ligado ao Islã radical.

Quando insistimos no tema aqui no site, nem é à toa. Vou repetir: o perigo é real e imediato.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Politica e sociedade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s