PF prende 12º suspeito e acaba com a tal célula terrorista ligada ao Estado Islâmico. Em Santa Catarina, simpatizante de ataque da Al Qaeda é monitorado. E o Exército ocupa pontos estratégicos da Rio 2016.

terror na olimpiada 06

Forças Armadas iniciam operação para os Jogos Olímpicos e ocupam vias expressas da cidade (Tomaz Silva/Agência Brasil)

                                    O 12º suspeito de integrar uma célula terrorista que planejava ataque na Olimpíada do Rio foi localizado e preso no domingo (24 jul). Uma denúncia anônima levou agentes federais à cidade de Comodoro (MT), próxima à fronteira com a Bolívia. O homem, de 32 anos, já havia cumprido pena por homicídio, mas estava foragido desde que foi identificado como suposto terrorista. Foi apanhado porque tentou comprar uma passagem de ônibus, provavelmente para o país vizinho, e não apresentou documentos. Fotos do suspeito estavam espalhadas pelos pontos de controle de fronteiras. Foi reconhecido facilmente, apesar de ter raspado a barba e de estar com o cabelo mais longo.

terror na olimpiada 08

Tropas profissionais no Rio. Foto Agência Brasil.

                                   Com a prisão, os federai acreditam ter desbaratado a tal célula terrorista, considerada amadora e despreparada. Este homem, que trabalhava como mecânico após deixar a cadeia, foi um dos que manifestou apoio ao Estado Islâmico pela Internet. Mantinha contato com os outros 11 suspeitos, mas nada que sugerisse um grau sofisticado de organização. Pegar todos eles foi moleza. Durante a investigação, os federais encontraram uma foto que seria de outro suspeito. O sujeito parece portar um fuzil de assalto AR-15. Na verdade, examinando a foto, acho que é uma réplica, acionada por um cilindro de ar comprimido que dispara balas de tinta, utilizadas no paintball. Um amigo meu, que acompanha o noticiário, fez um comentário que parece bem apropriado: ou temos a melhor polícia antiterrorista do mundo – ou temos os terroristas mais despreparados.      

terror na olimpiada 09

O suspeito número 12, preso em Mato Grosso. Foto da PF.

                            No entanto, a possibilidade de atentados nos Jogos Olímpicos é coisa séria. Em Santa Catarina, na cidade de Chapecó, a PF deteve um pequeno empresário que publicou elogios ao ataque da Al Qaeda contra o jornal francês “Charlie Hebdo”, onde mais de uma dezena de pessoas morreram. Ele está sendo monitorado com tornozeleira eletrônica. E o FBI, a polícia federal americana, acaba de informar que há uma lista de outros suspeitos que podem tentar agir no Brasil.

terror na olimpiada 10

Suspeito de terrorismo com arma de paintball. Foto da PF.

                                   Para aumentar a segurança no Rio, o Exército ocupou os pontos mais sensíveis, empregando tropas profissionais e equipamento pesado, como tanques de guerra, lançadores de foguetes e helicópteros. Ao todo, 88 mil homens das polícias e das Forças Armadas estão mobilizados. É o maior esquema de segurança em nossa história.  

Anúncios
Esse post foi publicado em Politica e sociedade. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s